[cc-br] mudança de licença. PODE?

Andrius da Costa Ribas andriusmao at gmail.com
Thu Dec 13 08:16:03 EST 2007


This means that you cannot stop someone, who has obtained your work under a
Creative Commons license, from using the work according to that license. You
can stop offering your work under a Creative Commons license at any time you
wish; but this will not affect the rights with any copies of your work
already in circulation under a Creative Commons license.

Pelo que entendi, você pode sim mudar sua licença, mas as outras pessoas que
adquiriram sob a licença anterior continuam com os direitos de quando a
adquiriram, podendo ser redistribuída no caso das licenças mais livres,
obviamente haverá uma preferência em adquirir o que tem a licença mais
livre. Resumindo: o autor não pode mudar os direitos de quem obteve a cópia
anteriormente pela licença vigente.
Em 12/12/07, Omar Kaminski <omar at kaminski.com> escreveu:
>
>
>
> ----- Original Message -----
> *From:* Carlos Vieira <cavvieira at gmail.com>
> *To:* Creative Commons Brazil <cc-br at lists.ibiblio.org>
> *Sent:* Wednesday, December 12, 2007 3:14 PM
> *Subject:* Re: [cc-br] mudança de licença. PODE?
>
> On Dec 12, 2007 7:01 PM, Omar Kaminski <omar at kaminski.com> wrote:
>
> > Isso não acaba funcionando como um desestímulo ao autor?
>
>
> Certamente. Mas é assim mesmo. Imagine o contrário: uma licença que pode
> ser revogada a qualquer momento. Que pessoa ou empresa séria usaria algo
> assim? Quem gostaria de acordar do lado errado da lei, só porque um fulano
> mudou de idéia quanto a um direito que ele cedeu?
>
> Talvez por isso na common law exista o domínio público por liberalidade,
> aqui apenas por prescrição. Por isso a pessoa séria ou empresa pefere ou
> pagar para ter segurança ou pegar do mesmo jeito e fazer de conta que não
> sabia... a lei de Gerson continua produzindo seus filhotes, porque entre
> pagar antes e pagar depois há a terceira hipótese: usar, não pagar e ver o
> que acontece. Ou melhor, pagar para ver. A cultura da reparação, e não da
> prevenção.
>
>
> Será que este, se
> > souber que a licença é irrevogável (sic) irá querer disponibilizá-lo por
> > uma
> > licença livre?
> >
> > Existe tanto radicalismo que se a pessoa fizer uma vez parece que terá
> > que
> > fazer sempre, numa escravatura às avessas, senão será tachado de traidor
> > (?!?).
>
>
> Hein? Não vi isso escrito. Veja o exemplo da id Software. O jogo Doom era
> proprietário e eles o relançaram com GNU GPL um tempo depois do lançamento
> original (a parte de código, não a arte). E fizeram o mesmo com versões
> seguintes (Doom 2, Quake 1, 2, 3 e Arena), isto é, lançaram a versão fechada
> e um tempo depois a versão aberta - conquistando admiração geral da
> comunidade do software livre e contribuindo para o avanço da então minúscula
> comunidade de jogos livres.
>
> Fui eu quem escrevi. Sim, a ID permite "mods" e lança seu engine em GPL
> depois que já ficou ultrapassado e já tem outro melhor sob licenciamento
> pago.
>
> []s
>
>
>
> _______________________________________________
> cc-br mailing list
> cc-br at lists.ibiblio.org
> http://lists.ibiblio.org/mailman/listinfo/cc-br
>
>
-------------- next part --------------
An HTML attachment was scrubbed...
URL: http://lists.ibiblio.org/pipermail/cc-br/attachments/20071213/eb2866e3/attachment.html 


More information about the cc-br mailing list