[AI] Facebook patenteia News Feed

Gino Rodrigues ginorodrigues em gmail.com
Quarta Março 24 11:57:12 EDT 2010


O texto ficou longo, então para ir direto ao assunto, pule para  > Fim
do preâmbulo.

Estou trabalhando no projeto de design de rede social vertical, de
nicho. Como não é um tipo de projeto muito usual (eu mesmo nunca tinha
feito), foi necessário aprofundamento no assunto.

Acabei descobrindo fontes muito interessantes. No já famoso Yahoo!
Design Pattern Library, descobri a vertente "Social" de padrões de
interação (http://developer.yahoo.com/ypatterns/social/), onde há a
chamada para um wiki de aprofundamento
(http://designingsocialinterfaces.com/patterns/Main_Page). que é parte
do site do livro "Designing Social Interfaces", lançado em setembro de
2009 pela O´Reilly/Yahoo Press. Estas e outras fontes foram bastante
informativas, e é interessante ver como já existem boas estruturas
para conceitos que, até hoje, eram bem insipientes pra mim.

Mas o "Designing Social Interfaces" (wiki e livro) mal nasceu e já
merece um sério alerta ao apresentar o padrão "Personal Dashboard".

Recentemente, recebi um email "Quem é mais 'mau'? Google ou Facebook?"
(http://www.viuisso.com.br/2010/03/15/quem-e-mais-mau-google-ou-facebook/).
Nas pequenas letras da anedota, a primeira "malvadeza" do Facebook é
"Registrou o sistema de notícias via feed (newsfeed), que já
existia.". Pesquisei e confirmei num post do ZDNet, onde há vários
links (inclusive o da própria patente no site do USPTO), algumas
elocubrações e incontáveis manifestações de repúdio
(http://blogs.zdnet.com/BTL/?p=31292&tag=nl.e539).


> Fim do preâmbulo

É legítima a proteção de propriedade intelectual, mas será que neste
caso há algum benefício para a empresa? Sendo já líder no segmento,
esta patente serve para proteção ou ataque? Por ser uma funcionalidade
já alastrada (Orkut, Goodreads, Linkedin, Flickr, dentre outros, até o
próprio Twitter, que nada mais é do que um feed), qual é o futuro das
redes que já aplicam? E o das vindouras, como as de nicho (puxando a
sardinha pro meu projeto), para cuja cauda longa não há limites de
novidade?

Na minha opinião, o sucesso do Facebook atraiu investidores que
pretendem ingressar no lucrativo mercado de processos de violação de
patentes, um dos pouco conhecidos legados da Microsoft pro mundo. Mas
há um grande risco de tiro no pé, caso seus usuários percebam
eventuais prejuízos em suas outras redes (poucos de nós tem uma só),
só porque o "dono da bola" resolveu parar de brincar.

Bem, pro nosso projeto aqui, este questionamento nos fez ver que um
feed pouco ajudava nos objetivos principais, o que nos levou a
desenvolver uma alternativa mais inteligente, talvez até
pantentearemos =)

Gostaria muito de saber suas idéias sobre esta manobra do Facebook.



Mais detalhes sobre a lista de discussão AIfIA-pt