RES: [AIfIA-pt] Re: Excesso de técnica

Andre de Abreu andredeabreu em terra.com.br
Quinta Julho 31 15:52:14 EDT 2003


Olá Igor,

Concordo em gênero, número e grau com vc. Mas a tal da teoria (aqui se
referindo ao conhecimento acadêmico) nada mais é do que tudo isso que vc
falou, mas de forma sistematizada, ou seja, os dois são mais ou menos a
mesma coisa.

Toda teoria brota da “vivência, da observação, da curiosidade, da
diversidade de informações”. Quer exemplo mais vivencial do que as
teorias de Newton baseadas em suas desavenças com maçãs? E as teorias
que saíram da vivência de Benjamin Franklin e sua pipa?

Realmente, os trabalhos web exigem idéias e idéias são conquistadas com
repertório que, por sua vez, é conseguido através de "vivência, da
observação, da curiosidade, da diversidade de informações" pessoais ou
por meio de "vivência, da observação, da curiosidade, da diversidade de
informações" alheias, que são apresentadas de forma sistematizada em
forma de teorias.

Acho que em toda nossa discussão aqui estamos utilizando a palavra
teoria como algo acadêmico ou provindo de estudos, e não uma coisa que
serve apenas para convencer clientes.

Abração,


Andre de Abreu



-----Mensagem original-----
De: aifia-pt-bounces em lists.ibiblio.org
[mailto:aifia-pt-bounces em lists.ibiblio.org] Em nome de Broseghini, Igor
Enviada em: quinta-feira, 31 de julho de 2003 16:08
Para: 'Arquitetura da Informacao em Portugues'
Assunto: RES: [AIfIA-pt] Re: Excesso de técnica

O que é realmente necessário para se conceituar um trabalho são IDÉIAS.
E elas não vem da teoria, mas sim da vivência, da observação, da
curiosidade, da diversidade de informações que você deve buscar em tudo,
ao tempo todo. Idéias vem da prática de viver. Parece poesia, mas não é
não. 
 
Alguém já experimentou criar aquele layout que pintou pra fazer durante
uma visita a um museu ou numa praça vendo as pessoas passando? Com
apenas um bloquinho pra anotar as loucuras produzidas pela cabeça
naquele momento? Essa prática exige muita disciplina e foco no trabalho,
mas quem já experimentou, sabe como é legal. Quem nunca o fez, pratique
já. Criar na frente do computador te deixa muito preso.
 
Especificamente em AI, já imaginou o quanto podemos aprender ou criar
dentro de um supermercado? Ou dentro de um aeroporto? Como as coisas são
organizadas nestes lugares? Que lógica foi encontrada para dar
consistência na apresentação das informações? Existem varias outras
situações que podemos escolher, não tem regras, não tem teoria.
 
Temos que sair da teoria e ir para a prática. E a prática só se pratica,
praticando. :-)
 
[]s
Igor
http://home.ism.com.br/~igorb





Mais detalhes sobre a lista de discussão AIfIA-pt